25 de dez de 2012

[RPG]Admirador Virtual u.u



Yooo Cupcakes!É a Caroll de novo!
Hoje vim trazendo aquela surpresa de que tanto falei, era para ter sido postada ontem, mas tivemos desencontros nos horários é Natal né kk
Bem a supresa é um RPG, a ideia inicial foi da Shoot, no entanto ela não pode nos ajudar a fazer, então Barbie, Gabi e eu juntas fizemos o joguinho para vocês.O nome do RPG é ''Admirador Virtual''. Espero que joguem e que gostem.Beijos e até a próxima *-*
Vocês devem estar se perguntando quem é Gabi, certo? Isso é outra novidade u.u




    Cheguei da escola e fui direto para o note, me sentei na cama e entrei no MSN para minha surpresa tinha uma solicitação de amizade, o que me chamou atenção não foi à solicitação e sim o nome ''Heavy'', adicionei e logo começamos a conversar:
— Oi Heavy tudo bom?
— Sim como vai Docete?
— Vou bem.
— Docete é um pseudo meio estranho.
— Heavy também não é muito comum.
— Ha, ha, ha me pegou nessa.
— Ha, ha, ha!
— Bem o que você gosta de fazer?
— Eu? Gosto de muitas coisas como conversar, ouvir músicas, ler... E você?
— Bom, uma coisa que gosto é de assistir filmes, o resto só conto pessoalmente.
— Hum... Misterioso — falei, ou melhor, escrevi com certa empolgação.
— Verdade :)
Heavy era um garoto tínhamos muitas coisas em comum inclusive à idade, ele gostava de ler, ouvir músicas, biscoitos de chocolate.Ficamos horas e horas conversando, todos os dias eu entrava e ele já estava ON até parecia que me conhecia, falávamos de vários assuntos desde a escola até viagens futuras (sonhos adolescentes), ele não quis falar muito sobre si, mas começou a me fazer perguntas sobre mim que respondi com prazer.
1.  O que você mais gosta de fazer no seu tempo livre?
A) Bem...Eu gosto de ficar assistindo filmes e lendo. 
B) Ouvir músicas, passear com meu cachorro.
C) Gosto de ir à pracinha e ficar conversando.
D) Passear pelo parque e escrever sobre várias coisas.

2. Como prefere se vestir no dia a dia?
A) Gosto de coisas delicadas, adoro tons pastel nas roupas também.
B) Hum... Adoro couro e roupas de cores fortes.
C) Prefiro vestir cores alegres e tecidos leves, combina comigo.
D) Me apego muito aos detalhes, sempre penso em cada peça antes de me vestir.

3. Que presente gosta de ganhar?
A) Um livro.
B) Um CD!
C) Um urso de pelúcia.  
D) Uma canção em minha homenagem? 

4. Que tipo de filme costuma assistir?
A) Um bom romance, como ''O guarda-costas''
B) Eu gosto de terror, algo tipo '' Prisioneiro da Morte''
C) Um filme de ação misturado com comédia como '' A hora do rush''
D) Qualquer filme que envolva mistério.

5. O que mais gosta de beber para se refrescar?
A) Um suco, com frutas tropicais.
B) Refrigerante mesmo... Com gelo.
C) Algum energético de sabor artificial.
D) Uma água de coco ou achocolatado gelado.

6. Que coisas te deixa irritada? 
A) Pessoas que não pensam antes de fazer as coisas.
B) Receber ordens.
C) Brigar com meninas?
D) Pessoas superficiais. 

7. Tem preferência por alguma comida?
A) Coisas salgadas, de preferência comida italiana.
B) Adoro o bom e velho fast-food.
C) Gosto muito de chocolate.
D) Não tenho preferência, contanto que seja boa.

8. Onde gosta de ir no seu tempo livre?
A) Numa biblioteca ou ir passear com alguém da família.
B) Algum lugar agitado, onde possa ser eu mesma sem ninguém me incomodando.
C) Prefiro um parque ao ar livre, andar de bicicleta, fazer piquinique...
D) Depende do meu humor no dia, mas geralmente lugares que eu me identifique e me sinta bem.

9. Que estilo de música você curte?
A) Eu curto indie - rock.
B) Gosto de Grunge como Nirvana, em geral rock.
C) Sou bem eclética, um pouco de tudo.
D) Eu gosto de rock como Hardcore, Metal...
     Conversa vai, conversa vem e ele me perguntou se gostaria de conhecê-lo eu aceitei, então marcamos de nos encontrar amanhã.


Resultados:


Se escolheu mais  alternativa ''A'':
Nathaniel:
   Depois de tanto conversar por MSN, trocamos nosso número de celular e começamos a conversar por SMS. Nesse dia, eu estava entediada na escola, pois já tinha terminado na lição. Eu estava caminhando, de um lado pro outro, perdida nos corredores. Caminho por mais um tempo, e recebo um SMS de Heavy. No SMS ele dizia que estava cheio de lição para fazer de História, do professor Faraize. Eu fiquei olhando um bom tempo para o SMS, pois esse nome não era muito comum e o meu professor também se chamava assim. Depois de um tempo, passo a acreditar que isso era mera coincidência. Isso, até ele falar que sua lição era sobre a Segunda Guerra Mundial, exatamente igual a minha. Desde em diante, comecei a estranhar. Ter um Professor com o mesmo nome, e estarem aprendendo sobre o mesmo assunto não era tão comum quanto parecia. Então pedi uma foto de onde ele estava, com a condição de que eu mandaria uma também.       Depois de alguns minutos a foto chegou e era da sala de aula e o professor sentado em sua mesa. 
Sim, era o mesmo professor. Mandei a foto do pátio, onde estava bebendo água, então chegamos à conclusão que estudávamos no mesmo colégio. Quando a mensagem finalmente caiu em meus pensamentos, quase caí pra trás. Dou um pulo, e imagino: Como pode ter alguém tão legal na mesma escola que eu, e eu não percebi? 
   Combino com ele de nos encontrarmos no intervalo. Eu estava bem nervosa, mas ele disse que ia me esperar na frente da cantina e ele estava realmente lá. Era um rapaz loiro, de olhos mel e um sorriso lindo. Fiquei completamente corada, mas ele foi gentil e conversamos o intervalo inteiro. Foi muito bom conhecê-lo e espero que continue assim por muito tempo. Quando tocou o sinal pra voltarmos pra sala, acabei percebendo que estávamos em salas vizinhas. Ele se chamava Nathaniel, e de agora em diante, seríamos grandes amigos... Ou até mais que isso.



Se escolheu mais  alternativa ''B'':
Castiel:
   Fiquei conversando com Heavy por muitos dias, até que nos sentimos á vontade pra trocarmos nossos números de celular. Desse dia em diante, eu falava com ele muito mais frequente, pois sempre estava com o celular na mão. Um dia ele me ligou e me chamou para ir ao show do Kiss, que seria único aqui na cidade. Eu até tinha pensado em ir, mas não encontrei companhia. E para não dar confusão, um esperaria o outro na porta principal antes do show começar. Faço nosso combinado. Espero ele na porta principal, e quando chego lá, me deparo com vários garotos e garotas. Como eu saberia quem era ele? Mandei um SMS pedindo uma foto dele e disse que não conseguiria encontrá-lo naquela multidão de qualquer forma. Ele tirou uma foto na mesma hora e me mandou, e para a minha surpresa, eu não esperava que ele fosse tão lindo assim. 
   Dou uma volta, perdida pelo lugar. Não havia encontrado ele. Isso, até eu esbarrar em alguém. Viro-me, um pouco assustada, e percebo que ele era o mesmo da foto. Era ele! Ele riu da minha cara, de um jeito debochado, que eu só percebia no MSN, mas ainda assim adorava. Ele me puxou pela mão e entramos para o show, que iria começar a alguns minutos. Quando o show começou, eu não pude acreditar. Nós tínhamos tanta coisa em comum! E... Ele parecia tão bonito e interessante! A companhia era incrível e ele é muito mais do que parece. Não sei o que foi melhor, o show, conhecê-lo ou o beijo que ele me roubou no final... ou tudo junto. No final de tudo, ele me acompanha até minha casa. Ele me encara e diz seu nome... Castiel. E parece que esse nome vai ecoar na minha cabeça por várias horas...



Se escolheu mais  alternativa ''C'':
Ken:
   Ficamos conversando dias no MSN. Até que aceitei trocar meu número de celular com ele.
Combinamos de nos encontrar no próximo dia, no fim da tarde. Em uma sorveteria. Ninguém consegue resistir a um sorvete mesmo e se não tiver assunto, temos uma desculpa. Quando cheguei na sorveteria, estava uns quinze minutos atrasada, mas um rapaz estava na mesa perto da janela. Era nessa mesa que eu combinei com ele. Aproximo-me calmamente, em uma forma sorrateira. 
   Caminho pra trás dele, e encosto minha cabeça no ombro dele, dando um pequeno grito pra assustá-lo. Ele começou a rir e eu também comecei, assim, do nada. Depois fiquei um pouco vermelha e me sentei. Pedimos os sorvetes e conversamos até o assunto acabar. 
   Parecia até que já nos conhecíamos há anos. Depois que terminei meu sorvete, não pude deixar de comer um pedaço do sorvete dele. Viro a cabeça pro lado, e vejo que ele estava um pouco corado. Percebendo de outro ângulo, nossos rostos estavam bem próximos um do outro. Quase que beijamos. Quando eu ía me afastar, senti sua mão passando por trás de minha cabeça, e me puxando na direção dele. Por um instante, nossos lábios se tocam. Conhecer Ken pessoalmente é muito melhor do que pelo MSN e tudo vai ficar cada vez melhor daqui pra frente.



Se escolheu mais  alternativa ''D'':
Lysandre: 
   Depois de tanto eu insistir, ele passou seu número de celular, mas demorou mais alguns dias para ele me convidar para sair. Como uma boa pedida, decidimos um cinema. No dia combinado, eu encontro-o na frente do cinema. Eu esperei-o lá por alguns minutos, até perceber um garoto com cabelos platinados me observando. Será que era ele? Resolvi mandar um SMS, e o mesmo rapaz de cabelos platinados só se aproximou depois de responder. Tive a confirmação, era mesmo ele, e era tão... diferente. Mas ainda assim várias meninas o olhavam passar e comentavam. Decido não ligar para os maus olhares, e caminham em direção ao garoto. Abro um sorriso, e converso com ele. Ele não falava muito, é verdade, mas era interessante ficar ao lado dele. Escolhemos o filme e logo compramos o ingresso. Quando entramos na sala de cinema, fico um pouco envergonhada, ao perceber que o lugar estava meio vazio.
   Vemos o filme, e no meio do mesmo, o garoto que se apresentou como Lysandre coloca o braço em torno de meu ombro. Ele até saiu no meio do filme para comprar chocolate para nós, foi muito fofo. Fiquei meio abraçada com ele até o filme acabar. Quando o filme acabou, fiquei desejando que ficássemos mais tempo juntos, mas o garoto rapidamente de levanta de sua cadeira e caminha comigo em direção á minha casa.
   No caminho, ficamos de mãos dadas, o tempo todo. E marcamos um novo encontro para o próximo fim de semana, dessa vez numa pizzaria. O olhei por um longo tempo, sem saber como me despedir. Ele puxou a minha mão e a beijou, sorrindo em seguida. Depois disso, eu entrei pra minha casa, e espiei pela janela de meu quarto Lysandre andando pela rua.


Nenhum comentário:

Postar um comentário